fale connosco


2010-05-05

JMarques - Penafiel

Bons amigos,

Fátima e Alcobaça acolheram a nossa gente e é pena que quem anda por perto não aproveite estas oportunidades de convivência. Um dia também estarei presente mas já valeram as imagens para fazer uma ideia do que aconteceu, boas imagens e um bom vídeo que ajudam muito quem não esteve presente.

Fátima não me assusta mas também não me convence e em termos turísticos é sempre uma referência de encontro. Muitas das pessoas que usam a autoestrada não sabem conduzir, pois haverá quem tenha essa habilitação.Mas não é por isso que vão utilizar as estradas nacionais. Conheço Fátima por mera curiosidade turística e testemunhei muita fé em gente humilde. Acredito apenas na fé daquela gente. E sei o caminho para lá chegar.

Alguns colegas não acreditam em mim mas outros sim e é verdade que muitos deles nunca me viram, sobretudo os mais velhos. Mas eu escrevo, batalho pelas minhas ideias e convicções e não faltarão os homens de pouca fé. Depois batem no peito perante meras imagens feitas na fábrica da Iria, adorando o barro como no tempo de Moisés.

Mas estes dias o papa vem confirmar que a fé do nosso povo arrasa montanhas e é bem maior certamente do que a de muitos clérigos. A humildade é apenas uma característica dos justos e o "nosso" papa vai beber em cálice de ouro e sentar-se em poltrona faustosa para glória de Deus, o tal que enviou o Filho à terra para combater estes abusos e morrer à mão dos homens do poder.

As notícias que vou lendo por aqui sobre a preparação da visita do papa chocam-me e mostram que a Igreja ainda não se convenceu que o Deus que diz que representa não tem a ambição das riquezas humanas, dos luxos e essa mensagem foi trazida pelo seu Filho Mensageiro, um homem que mereceu a escolha divina, segundo os textos bíblicos e que soube traduzir as fórmulas que dariam nova orientação ao mundo. Mas foi sempre o poder religioso a derrubar os movimentos que davam luz às mudanças. Foi e será porque o poder temporal é uma ambição meramente humana e nunca divina e Deus, se existe, falhou redondamente ao criar o homem e dar-lhe liberdade. Fátima é mais um instrumento criativo do homem para a subjugação mental dos crentes.

2010-05-04

manuel vieira - esposende

Foi um bom Encontro e as pessoas conviveram, reforçaram saberes, apreciaram sabores e no final perceberam que formamos um bom grupo. Algumas caras novas deram mais emoção ao ambiente e sei que a outros não foi possível a presença. E outros ainda um dia virão... Trocar um abraço é reconfortante quando percebemos que a vida tem mais encanto num grupo de amigos que interiorizaram valores idênticos. Estes dias tivemos também connosco o Padre Henri le Boursicaud, uma referência e um deus feito homem na visão dos meus filhos que muito o admiram e também o Padre Faustino, representante da Congregação no nosso Grupo e com quem nos sentimos sempre muito bem, pelo seu humanismo e humildade. Algumas gerações cruzam os tempos como se as décadas fossem dias e a amizade vai-se reforçando em cada Encontro. Este sentimento vai ganhando dimensão em nós, que nos vamos encontrando e um dia outros se hão-de aperceber que isto é uma mais valia que nunca pagará imposto.
2010-05-03

A. Martins Ribeiro - Terras de Valdevez

Ainda não vou dizer nada para já porque o dia de hoje ocupei-o todo a tentar fazer um resumo do filme do nosso Encontro. Apenas a jeito de oportunidade ressalto a minha satisfação pelo evento que foi inesquecível, magnífico e, como diz o Assis, cheio de emoção. A ver se amanhã as imagens já estarão disponíveis aqui neste espaço para todos poderem apreciar.

 

2010-05-03

Assis - Folgosa - Maia

Meus amigos, fala ainda a emoção, ou pelo menos não o eu exclusivamente racional.

Bom como os melhores, foi este nosso encontro de Alcobaça: Singelo na sua simplicidade, profundo na reflexão, alegre e fraterno como todos nós desejávamos. Felizmente, também o tempo ajudou, mesmo sem qualquer fenómeno miraculoso do local. Em Fátima, a palestra do nosso amigo Pedrosa. E, em Alcobaça, a visita ao Monumento monacal, foram os dois pontos culturais que certamente mais nos enriqueceram a todos. Ao nosso Amigo, já nem devemos agradecer, pois sabemos ser também para ele um privililégio contar com um auditório como o nosso, sempre atento e com fome de mais conhecimento. Além disso, um auditório colaborador exímio na interpretação da música gregoriana...Pedrosa, não te agradecemos...

À senhora dra. Teresa, incansável guia/intérprete da arte monacal cisterciense, que manteve afinada a sua garganta desde o início até ao último instante, apesar do ruído circundante, aqui o nosso muito obrigado pela lição de história.

Apenas a lamentar: A ausência de quantos, podendo estarem connosco presentes num abraço fraternal, o não tenham feito.

Fica contudo a ESPERANÇA: Que, num próximo encontro, como alguns dos que agora apareceram por vez primeira, como é o caso dos irmãos Fernado e João ROSINHA - o Fernando, já o não via há 45 anos e 3 meses - todos possamos dizer "PRESENTE" e nossos abraços selem aquela amizade que, entre todos, em terras de GAIA um dia nasceu.

2010-05-02

Arsénio Pires - Porto

Juventude!

O nosso Encontro Nacional, em Alcobaça, foi um êxito!

Fomos 65 amigos e amigas!

Um Encontro cheio de Cultura!

Um Encontro cheio de Emoção!

Um Encontro cheio de Amizade!


Todos ficámos mais ricos.

Só perdeu quem não compareceu!

Quer partilhar alguma informação connosco? Este é o seu espaço...
Deixe-nos aqui a sua mensagem e ela será publicada!

.: Valide os dados assinalados : mal formatados ou vazios.

Nome: *
E-mail: * Localidade: *
Comentário:
Enviar

Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório.

Copyright © Associação dos Antigos Alunos Redentoristas
Powered by Neweb Concept
Visitante nº