fale connosco


2011-01-04

JMarques - penafiel

O colega Arsénio entendeu filosofar sobre a fé, ora virando o malhão, ora malhando no vira, e o tema não é fácil para quem não tem hábitos nesta peleja e a perceção sobre a sua formação e prática nestas temáticas mostram que aprofunda e medita em exercícios que não são vulgares num transmontano.Nos Pontos de Vista deixei lá um pouco da minha fé mas como dizia S.Paulo “a fé é escândalo para a razão” e quando assim é ela não terá discussão e apenas se pedirá que a respeitem.A dele e a minha.Mas pôr em causa também alegra o espírito.

2011-01-02

Arsénio Pires - Porto

Caro JMarques:

Eu sabia que tinhas ido de viagem!

Abriguei-me ao calor do Solstício de Inverno, sim, porque esperava resposta tua ao desafio que te lancei.

Agora que ela veio, aí vai a minha intervenção.

Vai ao "Pontos de Vista"! Espero que não te cales!

E, os outros, também!

2011-01-02

JMarques - Penafiel

Depois de alguns dias de ausência verifiquei que o colega Arsénio me intimou a um debate sobre a fé mas depressa se agarrou ao solstício de Inverno, talvez pelo calor que proporcionou.
O colega Gaudêncio prontificou-se logo a trazer para a mesa a obra de Pepe Rodriguez, que eu já conhecia e que polemiza à partida qualquer abordagem a Igreja,a tal que desde o nascimento nos pretenderam prender com a marca do baptismo não consciente e uma série de verdades presumivelmente indiscutíveis.
É uma obra que merece leitura e em qualquer confissão religiosa ou política vale sempre passar pela nossa mente a antítese, pois não condiciona a mente, desde que ela seja livre e imperturbável.
Curiosamente Pepe Rodríguez mostra-nos nesta obra as entranhas da Igreja Católica, de que modo, com o passar do tempo, interpretaram mal as sagradas escrituras em benefício e lucro de uma instituição que longe de divulgar fielmente os ensinamentos de Jesus, os perverteu para encher as suas arcas.
É uma obra muito contestada como são todas aquelas que procuram mostrar e demonstrar o percurso com altos e baixos de uma instituição com largo poder através do dinheiro.
Por vezes sentimos que é bater no molhado e nem mesmo o Wikileaks com todo o seu pragmatismo recente conseguirá abrir uma ligeira brecha.Nas notícias deste site li uma referência a colegas do meu tempo e também eu recordo a imagem da última ceia no refeitório.

 

2011-01-02

manuel vieira - esposende

Mais um ano passou!

Na agenda do realizado esteve um Grande Encontro, que este ano focalizou Alcobaça e o seu Mosteiro, passando por Fátima.

Dos pequenos Encontros eles foram acontecendo em Palmela e também nos Arcos de Valdevez, para além dos micros acontecimentos por aqui e por ali mas que não tiveram cartaz.

Lançaram-se 2 números da nossa revista Palmeira, o 29 e o 30.

Entretanto o nosso site foi servindo de lareira para o nosso grupo onde alguns lançaram achas para a fogueira e muitos outros beneficiaram do seu calor.   O importante é que ninguém se constipe com as correntes de ar.

Já estamos em 2011 e temos de começar a planificar a nossa vida associativa.

Vamos indo e vamos vendo e para já votos de saúde e entusiasmo pela vida.

2011-01-01

manuel vieira - esposende

Atitude positiva para enfrentar os novos tempos são os meus votos sinceros, consciente que a austeridade é uma imposição e uma necessidade e que o mundo caminhará para uma nova ordem.

Para todos votos de muita saúde, dinheiro e amor como dizia a velha canção... um bom 2011!!!!!!!!!

Quer partilhar alguma informação connosco? Este é o seu espaço...
Deixe-nos aqui a sua mensagem e ela será publicada!

.: Valide os dados assinalados : mal formatados ou vazios.

Nome: *
E-mail: * Localidade: *
Comentário:
Enviar

Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório.

Copyright © Associação dos Antigos Alunos Redentoristas
Powered by Neweb Concept
Visitante nº